Olá! Eu sou o Miguel Angelo. Criei este blog para dar a conhecer mais sobre os Animais Marinhos.
Sábado, 10 de Outubro de 2009

 

A baleia – azul, é o maior animal que se sabe já ter habitado a Terra. Em média medem entre 23 e 25m, mas podem chegar aos 30m de comprimento, e pesam cerca de 110 toneladas. As fêmeas são maiores que os machos da mesma idade e podem chegar a pesar 130 toneladas. Este tamanho só foi possível de alcançar por viverem exclusivamente no meio aquático, que ajuda a sustentar o grande peso dos seus corpos, que seria demasiado para ser suportado pelos seus ossos, caso vivesse em terra.
A sua alimentação parece consistir maioritariamente de pequenos crustáceos, principalmente eufasiáceos (parecidos com pequenos camarões), que são consumidos em grande quantidade. Devido aos sulcos que possui na parte inferir da boca que se expandem formando uma bolsa, o animal pode tomar um grande volume de água e alimento na boca. A água é em seguida expelida com o auxílio da língua, e corre através das "barbas" aprisionando o alimento. Desta maneira, durante o verão, uma baleia – azul pode consumir num único dia oito toneladas de alimento.
           Esta espécie é cosmopolita, isto é, pode ser encontrada em todos os oceanos, embora as populações tenham diminuído bastante devido à captura comercial.
Estes animais, de uma forma geral, fazem migrações pendulares deslocando-se durante o verão para latitudes mais altas, procurando as águas mais frias e altamente produtivas à volta das calotes polares. Durante o Inverno retornam às águas tropicais ou temperadas onde ocorre a maior parte da actividade sexual e dos nascimentos.
A maturidade sexual é atingida por volta dos 10 anos de idade, ou quando os machos tem em média 22m e as fêmeas 24m. A gestação dura aproximadamente 12 meses e há um intervalo entre gestações que pode variar entre os 2 e 3 anos. As crias nascem em média com 7 a 8m de comprimento e com 2.5 toneladas. São amamentadas durante cerca de 8 meses, consumindo 380litros de leite por dia, e quando se tornam independentes das suas mães têm 16m e pesam quase 21 toneladas.
publicado por animaisnooceano às 14:52